Portes de envio grátis a partir de 30€ e com peso até 500g, válido para Portugal e Espanha. Apoios
Nabo Greleiro 'Grelos de Santiago'

Nabo Greleiro 'Grelos de Santiago'

1,49 €
Com IVA

Variedade precoce muito apreciada pela produção de grelos, sendo muito habitual na horta portuguesa. É de ciclo temporão de fácil cultivo, produz folhas grandes e permite por norma três colheitas, que poderão ser espaçadas por 15 dias. São um acompanhamento inigualável para os pratos típicos portugueses do inverno.

o

ÉPOCA DE SEMENTEIRA

o

o

PLANTA ADEQUADA PARA VASOS/ FLORES E FOLHAS COMESTÍVEIS

o

  

Quantidade por saqueta
  • 5 g
  • 10 g

Combinações Preço Quantidade
Nabo Greleiro 'Grelos de Santiago'

Quantidade por saqueta : 5 g

1,49 €

Nabo Greleiro 'Grelos de Santiago'

Quantidade por saqueta : 10 g

6,36 €

Itinerário técnico da cultura do Nabo (Brassica rapa)

Como cultivar nabo biológico?

Sementeira

Feita no local definitivo ou em tabuleiro com posterior transplante.

Clima

Gosta de climas temperados, devendo evitar-se as altas temperaturas. A cultura prefere locais com boa luminosidade e locais onde a possibilidade de geadas tardias seja muito baixa.

Fertilização

É uma cultura algo exigente em potássio, devendo incorporar-se composto em fertilização de fundo; se não for suficiente, a adição de um fertilizante mineral.

Rega

É uma cultura exigente em água, devendo o solo estar sempre húmido, no entanto sem encharcar, sendo assim a rega gota-a-gota é uma boa opção.

Controlo de infestantes

Previamente à instalação da cultura podem ser usadas falsas sementeiras e solarização do solo, sendo que após a sua emergência pode realizar-se monda mecânica com sachador de estrelas e multifresa. O mulching com materiais orgânicos ou plástico também poderá ser usado.

Controlo de pragas

A áltica e a mosca da couve são pragas da cultura. Para o controlo da áltica podem realizar-se pulverizações com infusão de absinto, o uso de insectos parasitóides e a plantação de aromáticas em bordadura. Para o controlo da mosca da couve pode realizar-se o enrelvamento com trevo branco, espalhar serradura ou cinza entre as plantas, retirar e queimar plantas atacas, não usar estrume fresco e cobrir o solo com plástico à volta das plantas.

Controlo de doenças

A alternariose, míldio e podridão cinzenta são doenças da cultura. Para o controlo da alternariose devem usar-se compassos largos e, se necessário, fungicidas cúpricos (como a calda bordalesa) em tratamento preventivo. O míldio pode ser controlado realizando rotações culturais adequadas, compassos largos, evitando excesso de água sobre as plantas e no solo e, se necessário, pelo uso de produtos cúpricos. A podridão cinzenta é controlada eliminando restos de plantas doentes, evitar excessos de vigor, evitar água sobre as plantas e aplicação de argila bentonítica regularmente.Sementeira Direta: De Março a Setembro Colheita: De Junho a Fevereiro Livre de OGM Agricultura EU PT-BIO 03 Regras e Normas UE – Categoria standard

Novas Variedades
Novidades 2020
Variedades Tradicionais
Espanholas
Dicas de Cultivo
Resistente ao Frio
Ciclo
Semi-Tardia
CO006-BAP001

Clientes que compraram este produto também compraram:

Produto adicionado aos seus favoritos

Para melhorar a sua experiência de utilização, este site usa cookies. Ao navegar está a aceitar a presente política. Para saber mais, consulte a nossa política de cookies.