Portes de envio grátis a partir de 30€ e com peso até 500g, válido para Portugal e Espanha. Apoios
Cártamo sementes biológicas

Cártamo

1,49 €
Com IVA

Um cardo anual com flores globosas cor de laranja escuras, amarelas e vermelhas. Pode atingir atá 90 cm de altura e gosta de locais com boa exposição solar. Uma planta deslumbrante para canteiros ou como flor de corte. Cultivada comercialmente para extração de óleo das sementes, usado na culinária e para fins medicinais.

Peso Líquido 1g

Itinerário técnico da cultura da Cártamo (Carthamus tinctorius)

Como cultivar cártamo biológico?

Solo

Prefere solos profundos, férteis, bem drenados e com elevada capacidade de retenção de água. Deve evitar-se solos que formem crosta superficial e com elevada salinidade. O pH ideal para a cultura situa-se entre 6.0 e 7.0.

Clima

Prefere locais com boa exposição solar, com temperaturas ideais entre 20 a 35°C, sendo que temperaturas inferiores a 5-10°C afectam o seu desenvolvimento, tendo a cultura apenas alguma tolerância ao frio no início do seu ciclo vegetativo.

Fertilização

A cultura possui um sistema radicular profundo que lhe permite extrair nutrientes em camadas profundas, no entanto a adição de composto em fertilização de fundo é importante para a cultura. Se após análise de solo existirem baixos níveis de fósforo e/ou potássio, a aplicação de fertilizantes minerais ricos nestes nutrientes pode ser equacionada.

Sementeira

Feita no local definitivo, devendo ser realizada uma boa cama de sementeira que permita uma adequada emergência das plântulas.

Rega

A cultura apesar de possuir um sistema radicular extenso e profundo que lhe permite absorver água de camadas inferiores, mas, sendo uma cultura de Primavera-Verão, necessita de regas. O sistema de rega gota-a-gota é uma boa opção.

Controlo de infestantes

Nas fases iniciais do ciclo vegetativo da cultura o controlo de infestantes é essencial para reduzir essa competição. Nesta fase, a monda mecânica com grade de dentes flexíveis pode ser uma solução interessante para a cultura. Após essa fase o mulching com materiais orgânicos pode ser usado.

Controlo de pragas

Os alfinetes, lagartas roscas e tripes são pragas que podem infestar a cultura. Para o controlo dos alfinetes deve evitar-se terrenos de maior risco (com elevada humidade no Verão, forragens, milho ou batata como precedente cultural) e com mais de 30 larvas/m2 (devendo essa contagem ser realizada antes da sementeira). As lagartas roscas podem ser controladas pelo uso de isco com farelo + melaço + Bacillus thuringiensis sobre o terreno junto à cultura, Bacillus thuringiensis em pulverização, luta biológica com nemátodes Steinernema carpocapsae e, se necessário, pela aplicação de azadiractina.

Controlo de doenças

A esclerotínia e a podridão cinzenta são doenças que podem infectar a cultura. Para  o controlo da esclerotínia devem realizar-se rotações culturais adequadas e o uso de compassos largos. Para o controlo da podridão cinzenta deve eliminar-se restos de plantas doentes, evitar excesso de vigor e aplicar argila bentonítica regularmente.

Colheita

Deve ser feita quando a maioria das folhas se encontra com a cor castanha, os caules secos (mas não frágeis) e as sementes com a cor branca.

Pós-colheita

Para uma conservação adequada a humidade da semente não deve exceder os 8% de humidade.

Dicas de Cultivo
Resistente a Seca
Resistente ao Calor
Resistente ao Sol
Ciclo
Precoce
FL020-BAP001

Clientes que compraram este produto também compraram:

Produto adicionado aos seus favoritos

Para melhorar a sua experiência de utilização, este site usa cookies. Ao navegar está a aceitar a presente política. Para saber mais, consulte a nossa política de cookies.