Portes de envio grátis a partir de 30€ e com peso até 500g, válido para Portugal e Espanha. Apoios
Manjericão Canela sementes biológicas
Manjericão Canela sementes biológicas
Manjericão Canela sementes biológicas
Manjericão Canela sementes biológicas

Manjericão 'Canela'

1,49 €
Com IVA

Variedade de manjericão com cheiro e sabor picante e adoçado a canela. Planta anual que forma um arbusto atarracado, com uma folha mais pequena que o manjericão vulgar e com caules distintivamente cor de canela. Bom condimento para frutas e em pratos asiáticos e indianos.

o

ÉPOCA DE SEMENTEIRA

o

PLANTA MELÍFERA/ ADEQUADA PARA CULTIVO EM VASOS

o

 

   

   

Quantidade por saqueta
  • 2 g

Combinações Preço Quantidade
Manjericão 'Canela'

Quantidade por saqueta : 2 g

1,49 €

Itinerário técnico da cultura do Manjericão (Ocimum basilicum)

Como cultivar manjericão biológico?

Sementeira

Pode ser semeado de forma direta ou em tabuleiro com posterior transplante para o local definitivo.

Solo

É uma cultura que se comporta bem em solos leves, ricos, bem drenados, sendo os de textura franco arenosa e franco limoso adequados. O pH deve ser cerca de 6.4.

Clima

É uma cultura bem adaptada às condições Mediterrânicas, com temperaturas ideais para germinação de cerca de 20°C e de crescimento entre 7°C e 27°C. É susceptível a geadas e temperaturas baixas, preferindo locais com boa exposição solar.

Fertilização

Normalmente é realizada incorporação de algum composto em fertilização de fundo.

Rega

O sistema de rega gota-a-gota é indicado para a cultura, doseando bem as dotações de água aplicada e evitando água sobre as folhas que podem levar ao desenvolvimento de doenças.

Controlo de infestantes

 O mulching é uma opção interessante evitando a competição entre as infestantes e a cultura.

Controlo de pragas

Os afídeos, caracóis e lagartas são pragas da cultura. Para o controlo dos afídeos deve realizar-se fertilizações moderadas sem excesso de azoto, limitação natural com sebes em bordadura para favorecer os auxiliares, luta biológica com himenópteros parasitóides e predadores e, se necessário, pela aplicação de sabão de potássio ou azadiractina. Os caracóis podem ser controlados através do favorecimento dos auxiliares (coleópteros estafilinídeos), faixas de protecção sobre o terreno e, se necessário, pelo uso de ortofosfato de ferro. As lagartas podem ser controladas usando Bacillus thuringiensis.

Controlo de doenças

A fusariose e a podridão cinzenta são duas importantes doenças da cultura. Para o controlo da fusariose devem realizar-se rotações culturais adequadas, biofumigação e solarização do solo. Quanto à podridão cinzenta deve eliminar-se os restos de plantas doentes, evitar o excesso de vigor, evitar água sobre as plantas e aplicar argila bentonítica regularmente.

Cor
Roxa
Verde
Dicas de Cultivo
Apta para Vasos
Nome científico
Ocimum basilicum
ER007-BAP001

Clientes que compraram este produto também compraram:

Produto adicionado aos seus favoritos

Para melhorar a sua experiência de utilização, este site usa cookies. Ao navegar está a aceitar a presente política. Para saber mais, consulte a nossa política de cookies.