Portes de envio grátis a partir de 30€ e com peso até 500g, válido apenas para Portugal. Apoios

Cenoura 'Jaune du Doubs'

RA015-BAP001

A cenoura Jaune du Doubs é uma variedade antiga de interior amarelo, formato alongado e polpa de sabor doce. É bastante produtiva e tem boa capacidade de conservação durante o inverno.

Peso Líquido 2g

ÉPOCA DE SEMENTEIRA

FLORES COMESTÍVEIS

1,49 €

Itinerário técnico da cultura da Cenoura (Daucus carota)

Como cultivar cenoura biológica?

Sementeira

Feita normalmente no local definitivo. Em grandes áreas são usados semeadores de precisão devido ao reduzido tamanho da semente.



Solo

A cultura prefere solos arejados, frescos, profundos, de textura argilo-calcária, ricos em matéria orgânica e em potássio. O pH deve situar-se entre 5.7 e 7.0.

Clima

Apesar de ser uma cultura rústica, prefere climas temperados, estando a temperatura mínima de crescimento nos 9°C e intervalo ideal entre 16 e 18°C. Temperaturas acima dos 28°C levam ao aceleramento do processo de envelhecimento da raíz e perdas de coloração.

Fertilização

É uma cultura bastante exigente, pelo que deve ser feito a incorporação de composto em fertilização de fundo. Se não for suficiente, deve adicionar-se algum fertilizante mineral.


Rega

É uma cultura exigente em água, podendo ser feita por gota-a-gota ou aspersão, devendo, se for feita por aspersão, ter-se o cuidado de ser realizada de manhã , para permitir que as folhas sequem e evitar assim o desenvolvimento de doenças.

Controlo de infestantes

Na cultura da cenoura pode inicialmente realizar-se falsas sementeiras, monda térmica em pré-emergência e monda mecânica com sachador de estrelas, multifresa e grade de dentes flexíveis. É uma das culturas mais sensíveis à competição com infestantes, pelo que o seu controlo nas fases iniciais é fundamental.

Controlo de pragas

Os afídeos, alfinetes, lagartas roscas e nemátodes são 4 pragas da cultura. Para o controlo dos afídeos deve realizar-se fertilizações moderadas sem excesso de azoto, limitação natural com sebes em bordadura para favorecer os auxiliares, luta biológica com himenópteros parasitóides e predadores, e, se necessário, aplicação de sabão de potássio ou azadiractina. Os alfinetes são controlados evitando terrenos  húmidos no Verão, que tiveram forragens, milho ou batata como precedente cultural, com mais de 30 larvas/m2 (contagem feita antes sementeira ou plantação). As lagartas roscas são controladas evitando o uso de estrume fresco, uso de isco com farelo + melaço + Bacillus thuringiensis sobre o terreno junto à cultura, Bacillus thuringiensis em pulverização, luta biológica com nemátodes Steinernema carpocapsae e, se necessário, pela aplicação de azadiractina. Os nemátodes são controlados através de rotações culturais adequadas, biofumigação e solarização do solo.

Controlo de doenças

A alternariose e o oídio são doenças da cultura. Para o controlo da alternariose devem usar-se compassos largos e, se necessário, pela aplicaçãode fungicidas cúpricos (como a calda bordalesa) em tratamento preventivo. O oídio é controlado através do uso de compassos largos, fertilização moderada sem excesso de azoto, e, se necessário, pela aplicação de enxofre em pó polvilhável ou enxofre em pó + lithothamne (1:1) em polvilhação (menos fitotóxico que enxofre estreme).

Colheita

Ocorre antes que a raíz atinja o seu completo desenvolvimento.

Pós-colheita

Com temperaturas entre 3 e 5°C as cenouras podem ser conservadas durante cerca de 3 a 5 meses aliado a uma humidade relativa entre 98 a 100 %, essenciais para prevenir a sua desidratação e continuarem crocantes.



RA015-BAP001

Ficha informativa

Cor
Amarela

Também poderá gostar