Portes de envio grátis a partir de 30€ e com peso até 500g, válido para Portugal e Espanha. Apoios

IMPLEMENTAR UMA ROTAÇÃO DE CULTURAS NA SUA HORTA

o

Cultivar vegetais biológicos é fácil, mas há alguns aspetos a ter em conta de forma a manter a sua horta produtiva e saudável ao longo dos anos. Uma maneira fácil de manter essas características é a rotação de culturas.

 

rotação de culturas consiste no cultivo alternado e regular de plantas na mesma área ao longo do tempo. É uma prática agrícola antiga e fundamental no modo de produção biológico.

A sua importância deve-se ao facto de melhorar as características físicas, químicas e biológicas do solo impedindo a “fadiga” do terreno e o esgotamento contínuo dos mesmos nutrientes.

VANTAGENS DA ROTAÇÃO:

g

  • Aumenta o rendimento das culturas;

  • Auxilia no controle de plantas infestantes;

  • Reduz o risco de pragas e doenças;

  • Repõe a matéria orgânica;

  • Protege o solo dos agentes climatéricos.

Agora que conhecemos os benefícios das rotações das culturas, veremos como implementar a rotação de culturas na sua horta.

CRITÉRIOS PARA A PLANIFICAÇÃO DAS ROTAÇÕES – EXEMPLOS DE ROTAÇÕES

f

A decisão das espécies e cultivares a incluir nas rotações tem de considerar as culturas que já tem e as que quer semear na sua horta, bem como o ciclo cultural de cada  e o ciclo das pragas e das doenças a que são suscetíveis.

ASPETOS A CONSIDERAR NA PLANIFICAÇÃO

g

  • Não suceder plantas da mesma família.

  • Manter um intervalo mínimo de 5 anos para plantas sensíveis à mesma doença se presente no solo.

  • A introdução de uma espécie leguminosa como fonte de azoto.

  • A introdução de um adubo verde.

  • Suceder plantas com um sistema radicular diferente.

  • Suceder plantas que desenvolvem órgãos diferentes (culturas de folhas – exigentes em azoto; culturas de leguminosas –exigentes em fósforo; culturas de raízes –  exigentes em potássio) 

 

Família/Cultura

Precedente favorável

Precedente a evitar

Compostas:

Alface; alcachofra

Alho, alho francês; batata; cebola

Alface; beterraba; couve; nabo; rábano

Crucíferas:

Couves; nabo; rábano

Alho; alho-francês; cebola; espinafre

Abobora; aipo; cenoura; couves; feijão; melão; nabo; pepino; tomate

Cucurbitáceas:

Melão

Alho; alho-francês; cebola

Abobora; melancia; melão; pepino

Leguminosas:

Ervilha; fava; feijão

Alho; alho-francês; cebola

Ervilha; fava; feijão

Liliáceas:

Alho; alho-francês; cebola

Crucíferas, cucurbitáceas; leguminosas; solanáceas

Alho; alho-francês; beterraba; cebola

Solanáceas:

Batata; beringela; pimento; tomate

Alho; alho-francês; cebola

Abobora; Batata; beringela; melão; pepino; pimento; tomate

Umbelíferas:

Aipo; cenoura

 

Alho; alho-francês; cebola

Aipo; beterraba; cenoura

ROTAÇÕES CULTURAIS NA SEMENTES VIVAS

o

Na nossa quinta realizamos rotações culturais, fazendo estas parte de um planeamento sazonal das sementeiras e plantações em cada parcela cultivada. Devido aos inúmeros benefícios, a rotação de culturas é aplicada tanto nos nossos túneis de isolamento/estufa, como nas parcelas ao ar livre.

Esta prática permite que o solo seja explorado a diferentes profundidades, culturas com diferentes exigências em termos de nutrientes e com inimigos (pragas e doenças) diferentes.

Produto adicionado aos seus favoritos

Para melhorar a sua experiência de utilização, este site usa cookies. Ao navegar está a aceitar a presente política. Para saber mais, consulte a nossa política de cookies.